governo sao paulo
  • portugues
  • espanhol
  • ingles
  • diminuir texto
  • aumentar texto

Sobre o Museu

Acervo Museu Felícia Leirner

Museu Felícia Leirner

O Museu Felícia Leirner, está instalado, desde 1978, em Campos do Jordão/SP, tendo sido oficializado em 2001, pelo Decreto estadual nº 46.466. Reúne esculturas dessa artista que, nascida na Polônia, viveu entre 1904 e 1996 e esteve radicada no Brasil desde 1927.

Um conjunto de 85 obras de Felícia Leirner, de bronze, cimento branco e granito, está distribuído ao ar livre, sobre gramado e à beira de alamedas, no jardim do espaço que divide com o Auditório Claudio Santoro, sede do Festival Internacional de Inverno compreendendo uma área de mata com 35 mil m² de extensão.

Na disposição das obras no espaço do jardim, a critério da própria artista, as esculturas estão agrupadas pelas fases da trajetória de Felícia: figurativa (1950-1958), a caminho da abstração (1958-1961), abstrata (1963-1965), orgânica (1966-1970) e recortes na paisagem (1980-1982).

Esse conjunto revela a paixão da artista pela natureza e pelo local, que foi considerado um dos mais importantes do gênero no mundo pela Revista Sculpture, do International Sculpture Center, de Washington D.C. (EUA), em 1987.

 

 

 

Missão

O Museu Felícia Leirner e Auditório Claudio Santoro tem como missão preservar e divulgar sua coleção de esculturas e sua área de mata atlântica, fomentar a fruição e expressão em artes visuais e a apreciação e compreensão musical, e promover a conservação ambiental.

Visão

O Museu Felícia Leirner projeta ser uma referência entre museus que aliam patrimônio cultural e natural em mesmo espaço, e ter relevância como centro de promoção de artes visuais, música, preservação e uso sustentável do meio ambiente.

Valores